O meu ser é assim

Onde já fui?

A lado nenhum.

Onde já estive?

Em todo lado.

O que quero fazer?

Tudo.

Ser quem?

Quero ser todos e ninguém.

Se gosto de ser diferente?

Não, Adoro-o ser.

Em quem penso neste momento?

Em mim, em ti, em nós e em todos.

Se me considero estranha?

Não, apenas um mistério do sou e o que serei.

Resumindo: Sou a mentira da verdade, a verdade na mentira.

Sou um reflexo de uma parte de ti.

Sou única, só e feliz.

E não mudarei.

 

 

PVN – 10 de Janeiro de 2011

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s